Jornalismo Vai Com Deus

Dudu Guimarães 28 de mai de 2015 - 20:15
Um dia normal pro jornalismo policial brasileiro, até que o repórter resolve entrevistar um bandido. Morto.


Esse daí não vai falar na presença de um advogado, no máximo com a ajuda de um pai de santo.

PAREM AS MÁQUINAS! ESCALA DE ÓDIO DO MASTERCHEF BRASIL

Bic Muller 27 de mai de 2015 - 15:23

E finalmente, depois de muita gororoba, temos os 18 finalistas do Masterchef. Eu particularmente faria um spin off do programa só com essa gente que não sabe cozinhar e não tem vergonha disso, porque pra mim é a melhor parte do programa, mas enfim...

Ontem rolou muito meme, muito mesmo e a maioria deles poderia ser uma metáfora para a vida:

Jacquin falando sobre a vida



Paola olhando a minha vida de longe



O Fogaça pensando na vida



A vida sendo o liquidificador



Mas vamos falar do que interessa: Odiar os candidatos (já to odiando, são 18! muita gente pra fazer post SOCORRO!)

Vamos começar logo. Então pega seu chutney molecular gourmet, seu prato que parece um cinzeiro, sua leve crocância e vem com a gente!

Quenhé: Filha do Oscar Maroni



Vida e obra:

Ela é filha do Oscar Maroni, aquele cara que participou da Fazenda, lembra? Não? Não tem problema, eu também não.
Mas ó, não indico jogar no google pra descobrir quem ele é. Tem uma foto do micropintinho dele que não recomendo.

Por que vamos odiar:

Ela fica tremelicando a mão forçadamente pra mostrar ~como tá nervosa com o programa~ mas dá pra perceber que ela tá é super confiante que vai ganhar essa joça.
Gosto é da tremedeira real, da choradeira, de gente se cortando real, não me venha fingir chilique pra cima de mim não!!!

Numa escala de 1 a 5 pai dela, quanto vamos odiar:



Quenhé: Carla



Vida e obra:

Carla tem 52 anos, consultora em treinamento comportamental e quer montar um restaurante no litoral.

Por que vamos odiar:

Sei lá. Ela não apareceu nas audições, o que indica que deve ser xarope, porém não xarope o suficiente pra aparecer. Ou boa, mas não boa o suficiente pra aparecer. Vamos ter que assistir pra decidir isso...

Numa escala de 1 a 5 brigadeiros de chuchu, quanto vamos odiar:




Quenhé: Cássia



Vida e obra: Cássia foi uma grata surpresa do programa. Já comecou surpreendendo porque a gente achou que fosse um simpático menino de 12 anos, mas é uma simpática jovem de 18. Depois, ela fez uma gororoba com banana e purê e eu JUREI que já tava eliminada mas os chefs acharam bom. Promete uma roleta russa de emoções

Por que vamos odiar:

A gente já tá amando a Cássia! Ela é gente como a gente, mistura os sabor tudo, chora quando erra, chora quando acerta, falou que o prato dela tarra uma bosta, o que foi o primeiro PIIIIIII do programa e inclusive achei muita maldade vocês falarem que ela parece o bebê fumante da indonésia



Numa escala de 1 a 5 Big Macs com batata grande, quanto vamos amar:

 

Quenhé: Cristiano



Vida e obra:

Fez uma moqueca emocionante (segundo Paola), serviu cachaça pros jurados, jogou capoeira com Jacquin e foi aprovado.



Por que vamos odiar:

Tava tudo bem, até ele ficar emocionado com a aprovação e enfiar o pano de limpar a bancada da cozinha na cara pra limpar as lágrimas e que nojo, gente! Faz isso não!

Numa escala de 1 a 5 panos de prato desinfetados na quiboa, quanto vamos odiar:





Quenhé: Fernando



Vida e obra:

Fernando fez uma carne com farofa e foi aprovado. Basicamente é isso, nenhum meme bom.

Por que vamos odiar:

Gosto de pessoas que viram meme...

Numa escala de 1 a 5 hot dogs gourmet, quanto vamos odiar:



Quenhé: Gustavo



Vida e obra:

Gustavo é gatinho e fez uma pêra para os jurados. Já tomou um coió logo de cara, porque colocou canela na sobremesa e o Jacquin detesta canela. Não duvido que nas próximas etapas apele pra maçã na maionese ou até pior: uva passa no arroz!

- Tem canela?
- Tem.
- Eu odeio canela...



Por que vamos odiar:

O cara disse que gosta de fazer salgado, mas leva um doce para o programa. Como compreender uma pessoa que gosta de uma coisa e faz outra? Fiquei confusa. Mas é gatinho, então a gente dá um desconto...

Numa escala de 1 a 5 uvas passas na comida, quanto vamos odiar:




Quenhé: Comandante Hamilton



Vida e obra:

Ele é piloto de helicóptero e se chama Hamilton! Põe na tela, Comandante Hamilton!






Por que vamos odiar:

Odiar? Pelo contrário! Cada vez que ele tiver com uma faca na mão a gente vai gritar


Numa escala de 1 a 5 food truckzinhos, quanto vamos odiar:




Quenhé: Iranete



Vida e obra:

Iranete também não apareceu nas eliminatórias, mas já simpatizei com ela. Iranete é doméstica há 21 anos e aprendeu a cozinhar na casa da família onde trabalha. Tem muita cara de quem coloca fruta na comida.

Por que vamos odiar:

Estamos amando Iranete já pela sonoridade do nome! Quem não deve estar gostando disso é a patroa, porque pelo visto ela vai longe na competição!

Numa escala de 1 a 5 comidas salgadas que enfiam banana junto, quanto vamos odiar:




Quenhé: Isabel



Vida e obra:

Isabel tem 31 anos e chorou muito na sua participação. Tremeu mais que vara verde e foi eliminada porque os candidatos julgaram que ela não tem lá muito emocional pra ficar no programa. Daí ela chorou mais um pouco e deixaram ela ficar...

Cada vez que ela aparece eu tenho vontade de gritar com a tv.


AMIGA
PARE.

Por que vamos odiar:

Ela chorou na primeira eliminatória e passou. Chorou na segunda etapa e quase decepou o dedo. Sei lá, pelo andar da carruagem, até o fim do programa ela já cortou os pulsos...

Numa escala de 1 a 5 lágrimas, quanto vamos chorar de raiva cada vez que ela aparecer na tv:




Quenhé: Chinesa



Vida e obra:

A Jiang é uma chinesa, formada em estatística que se inscreveu no programa contrariando a família, que acha que esse negócio de cozinhar não dá futuro.

Por que vamos odiar:

Vamos amar, primeiro porque os diálogos dela com o Jacquin precisam ser legendados, segundo porque ela é fofa e terceiro porque quando ela cozinhar aves eu vou poder usar a imagem deste meme, que eu adoro



Numa escala de 1 a 5 flangos, quanto vamos amar:



MEU DEUS É GENTE QUE NÃO ACABA NESSA LISTA HELP!!!!

Quenhé: Larissa



Vida e obra:

Larissa cozinhou um polvo. Quando perguntaram o nome do prato ela respondeu: Polvo saboroso...risos... imagina Larissa trabalhando na indústria de esmaltes? Teríamos o azul bonito, amarelo mais ou menos, vermelho gostei desse, verde feio...

Por que vamos odiar:

Larissa enfiou castanhas no polvo pra dar crocância. Batemos o bingo da crocância desta temporada graças a ela. Obrigada, Larissa.

Numa escala de 1 a 5 castanhas pra dar crocância ao prato, quanto vamos odiar:



Quenhé: Lucas



Vida e obra:

Lucas também não apareceu nas primeiras eliminatórias, o que nos leva a supor que não rendeu nada engraçado/emocionante/vergonhoso. Precisaremos de mais episódios pra descobrir quem é Lucas na fila do pão.

Por que vamos odiar:

Ele passou na fase do porco com louvor, então deve cozinhar bem. Mas eu to aqui pelo meme, quero meme então se vira, menino!

Numa escala de 1 a 5 saladinhas gourmet que é pra cobrar mais caro no prato, quanto vamos odiar:




Quenhé: Marcos



Vida e obra:

Marcos fez Javali porque o Fogaça gosta. Resolveu falar isso na frente dos jurados, que se levantaram e deixaram só o Fogaça  avaliar então né querido?!


Por que vamos odiar:

Ele é bonito PONTO PARA OS MENINOS! Já ficou com fama de puxa saco logo de cara e a audição dele foi intercalada com um cara tão mala, mas tão mala, que fez parecer ele legal.

Rolou um climão com a Paola que fez as periquitinhas do Twitter ficarem em polvorosa...

E eu sei que não tenho equilíbrio emocional pra participar desse programa porque se a Paola fala isso pra mim, eu respondo ENTÃO ME PEGA e beijo ela na boca



Numa escala de 1 a 5 puxa sacos, quanto vamos odiar:



Quenhé: Murilo



Vida e obra:

Murilo é paranaense e foi ao programa com o namorado e seu animalzinho de estimação. FOFO, NÉ? Não.

Por que vamos odiar:

Tava achando ele um amor, amante dos animaizinhos, até o momento em que descobri que ele tem um coelho de estimação e resolveu cozinhar.... um coelho. E ele levou o coelho dele pra audição, pra ver o coleguinha virando ensopado.
Quantos níveis de sadismo uma pessoa fazer isso? Péssimo, péssimo. Mas amei, já que a gente precisar odiar pessoas neste programa e ficou nível picolé de dificuldade pra detestar ele.

Numa escala de 1 a 5 abaixo assinados em favor da dignidade animal, quantos vamos assinar:



Quenhé: Patrizia



Vida e obra:

Patrizia não apareceu nas eliminatórias. Ou apareceu e não lembro... de qualquer forma, se não lembro é porque não foi especial para o meu coração...

Por que vamos odiar:

To sentindo falta de uma barraqueira na edição. Temos a chorona, o engraçadão, o bonito, mas falta uma barraqueira. Por favor, moça! Abrace esse personagem!

Numa escala de 1 a 5 bolinhos de fubá com nome rebuscado pra ficar mais chique, quanto vamos odiar:




Quenhé: Raul



Vida e obra: E completando o time das calças cor de diarréia de nenê (por que diabo todo mundo resolveu fazer as fotos de divulgação com essa cor de calça, Jesus?) temos Raul.

Por que vamos odiar:

Passei por 33 tipos de ódio com esse homem tentando fazer trocadilho e piada, o que estava claramente irritando os chefs. Não sei se eu estava mais irritada com eles ou com a irritação dos jurados.

"Cê acha que é piada isso aqui?"



Pelo menos vai render uns memes...



Numa escala de 1 a 5 ele mesmo, quanto vamos odiar:



Quenhé: Rodrigo



Vida e obra:

Rodrigo também não apareceu nas eliminatórias, mas parece ser gente boa. Tem cara de quem faz churras fim de semana. Aliás, se fizer me chama!!

Por que vamos odiar:

Vou deixar em aberto para os próximos episódios. Espero odiar, sei lá né? Tá chato gostar de todo mundo nesse programa...

Numa escala de 1 a 5 pavês só pra fazer piada, quanto vamos odiar:




Quenhé: Sabrina



Vida e obra:

Sabrina tem uma loja de lingerie e adora cozinhar para o marido Francês. Sonha em ter seu próprio restaurante e blablablablabla...

Por que vamos odiar:
Outra que ficou de fora das primeiras audições. Fica difícil avaliar assim, né gente? Vocês do programa precisam de comidas, nós precisamos de imagens. Vamo se ajudar mutuamente ae!!

Numa escala de 1 a 5 receitinhas com Whey JURANDO que esse treco é gostoso, quanto vamos odiar:


 


Menção Honrosa:

Gente que ficou de fora mas a gente se apegou:

A menina que teve um namoro  relâmpago com Jacquin e ele terminou de maneira horrível



A menina que resolveu cozinhar dentro de um cinzeiro



O Pedro


Este tweet que me fez mudar meu jeito de ver a Paola talvez para sempre


Esta amiga que falou que era super competitiva e melhor que a outra amiga 



Enquanto a menina afirmava que as duas eram boas e não havia competição entre elas...



João Felippe, que é brasileiro e não desiste nunca e voltou pela terceira vez a tentar participar de algum reality gastronômico. E desta vez levou um doce entupido de canela, mesmo sabendo que um dos jurados tem pavor mortal de canela...



E por fim, este moço que pesquisou no youtube e descobriu que ninguém nunca havia feito PUDIM DE PEIXE... por que será, né amigão?!



Bom, é mais ou menos isso e pelos meus cálculos a tendência é piorar...
Quem você amou? Quem odiou? Quem você acha que vai ganhar? Conta AQUI pra gente!!