American Music Awards 2016 - o que teve?

Thiago Pasqualotto - 09:40

O American Music Awards foi marcado por protestos contra Donald Trump e prêmio pelo conjunto da obra ao britânico Sting. Justin Bieber e Drake saíram com o maior número de prêmios. Já Ariana Grande foi eleita a Artista do Ano.

Eu acho que tô ficando véio mesmo, não conheço a metade dessa gente do AMA's. Mas vamos aos trabalhos...


Teve Ariana rabo de cavalo Grande com um aplique que deve custar mais que 3 meses do nosso salário.


Teve Selena Gomez camponesa humilde da cintura para cima e princesa Disney da cintura para baixo.


 Após uma pausa para se tratar do lúpus, Selena fez um discurso fofo agradecendo o prêmio de Melhor Artista Pop/Rock Feminina.



E teve Juliana Paes platinada. Maya representando o Brasil e a Índia. Que mulher!


Já Luiza Brunet esqueceu a calcinha em casa. Eles passam horas sentados em uma poltrona acompanhando a apresentação, imagina o cheiro de PPK que deve ficar no couro, gente! Deus me livre! 


Trago verdades: a Ciara grávida continua mais magra que eu ou você.


Eu amo que as Fifth Harmony jogam farofa na nossa cara. Seja pelas músicas de fazer coreografia na boate ou os looks direto da vitrine da Renner.  


Mas na hora de agradecer o prêmio, um detalhe de uma das integrantes quase passou despercebido. Miga, arruma essa beira aí, sua louca!


Já em clima natalino, Heidi Klum foi vestida de estrela que avisou os três Reis Magos do Nascimento de Jesus. 


Eu não sei se consigo definir essa roupa da Keke Palmer em palavras. Então prefiro deixar essa imagem para reflexão e nada mais.


O que é isso? É um gambá morto? É um personagem do Dragon Ball Z? Não! É a Z Lala. Ela adora fazer esses penteados diferentes em toda premiação. Provavelmente a pessoa que sentou atrás dela deve ter odiado a ideia.


E ainda teve o retorno do Green Day de preto, com gravata vermelha e cabelo espetado. QUE ANO É HOJE?


Essa foto do Matt Bomer eu coloquei apenas pra neutralizar todo o show de horrores que este red carpet foi até agora.


Zayn sem Niall...


E Niall sem Zayn. É tão triste ver os One Direction quando eles não estão de One Direction. 


Drake levou o troféu de melhor sarrada na Rihanna do ano.


É mentira, mas bem que poderia ser verdade. Melhor sarrada, sarra em mim também!


Tinashe foi fantasiada de galinha d'angola.


Tudo bem que 2016 foi uma desgraça só, mas o povo está com tanta vontade que o ano acabe que já foram prontos pro reveillon. Teve branco para todos os gostos. Branco estilo astronauta. 


Branco estilo "dormi na casa do boy e saí com a camisa dele".


E branco estilo cortina de renda da vovó.


 Mas o retorno mais esperado da noite era da Lady Gaga. Ela chegou de chapéu, toda Sula Miranda. Essa calça deu um efeito de perna de pau, algo circense, o "must have" da próxima estação.


Na hora da performance eu me iludi. Pensei que ela arrancaria o vestido, quebraria a viola e dançaria no meio do brejo com vários sapos pulando no seu corpo nu. Fui Alice no País das Maravilhas.


Resumindo... foi isso que ela fez:


A gente fica até 2 horas da manhã pra ver um prêmio e tudo o que a gente ganha em troca é um show sertanejo e muito sono no dia seguinte... Até o próximo!


Publicado por Thiago Pasqualotto TAGS: , , ,
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
siga-nos twitter
Bic Müller Thiago Pasqualotto
@bicmuller
@thiago_p